• Uncategorized
  • by equipe@angulodigital.com.br
  • 23 de julho de 2019
  • 0

O câncer de bexiga é o 3º mais comum entre todos os tipos de câncer do trato genitourinario, afetando milhões de pessoas a cada ano. O câncer de bexiga é mais comum em homens do que em mulheres e geralmente afeta pessoas mais velhas, embora isso possa acontecer em qualquer idade.

O câncer de bexiga na maioria das vezes começa nas células que se alinham dentro da bexiga. Embora seja mais comum na bexiga, esse mesmo tipo de câncer pode ocorrer em outras partes do sistema de drenagem do trato urinário.

Sintomas do câncer de bexiga.

Os sinais e sintomas do câncer de bexiga podem incluir:

  • Sangue na urina (hematúria);
  • Dor forte ao urinar;
  • Dor pélvica.

Se você tiver hematúria, sua urina pode aparecer de cor vermelha viva. Às vezes, a urina pode não parecer diferente, mas o sangue na urina pode ser detectado durante um exame microscópico da urina.

Causas do Câncer de bexiga.

O câncer de bexiga se desenvolve quando as células da bexiga começam a crescer de maneira anormal. Em vez de crescer e se dividir de maneira ordenada, essas células desenvolvem mutações que fazem com que elas cresçam fora de controle e não morram, formando então esse tumor.

Fatores que podem aumentar o risco de câncer de bexiga incluem:

  • Fumo: Fumar cigarros, charutos ou cachimbos pode aumentar o risco de câncer de bexiga, fazendo com que substâncias químicas nocivas se acumulem na urina. Quando você fuma, seu corpo processa os produtos químicos na fumaça e excreta alguns deles
    na sua urina. Essas substâncias químicas nocivas podem danificar o revestimento da bexiga, o que pode aumentar o risco de câncer.
  • Idade avançada: O risco de câncer de bexiga aumenta com a idade. O câncer de bexiga pode ocorrer em qualquer idade, mas raramente é encontrado em pessoas com menos de 40 anos de idade.
  • Pessoas de pele branca: As pessoas brancas têm um risco maior de câncer de bexiga do que as pessoas de outras raças.
  • Ser homem: Os homens são mais propensos a desenvolver câncer de bexiga do que as mulheres.
  • Exposição a determinados produtos químicos: Seus rins desempenham um papel fundamental na filtragem de substâncias químicas nocivas da corrente sanguínea e na sua transferência para a bexiga. Por causa disso, quem está exposto a certos produtos químicos pode aumentar o risco de câncer de bexiga. Produtos químicos ligados ao risco de câncer de bexiga incluem arsênico e produtos químicos utilizados na fabricação de corantes, borracha, couro, têxteis e produtos de pintura.
  • Tratamento prévio de câncer: O tratamento com a droga anticancerosa ciclofosfamida aumenta o risco de câncer de bexiga. As pessoas que receberam tratamentos de radiação destinados à pélvis para um câncer anterior têm um risco elevado de desenvolver câncer de bexiga.
  • Inflamação crônica da bexiga: Infecções urinárias crônicas ou repetidas ou inflamações (cistite), como pode acontecer com o uso prolongado de um cateter urinário, e pode aumentar o risco de um câncer de bexiga.
  • História pessoal ou familiar de câncer na família: Se você já teve câncer de bexiga, é bem mais provável que você o tenha novamente. Se um de seus parentes de primeiro grau, como pai, irmão ou filho, tem histórico de câncer de bexiga, você pode ter um risco aumentado de contrair a doença, embora seja raro o câncer de bexiga ocorrer em famílias.

Prevenção

Embora não exista uma maneira garantida de prevenir o câncer de bexiga, você pode tomar algumas medidas para ajudar a reduzir seu risco. Evitar o fumo, e seguindo as instruções de segurança para evitar a grande exposição a produtos químicos.

Sua alimentação não deve ser deixada de lado, escolha sempre uma dieta rica em frutas e vegetais, os antioxidantes presentes em frutas e vegetais podem ajudar a reduzir, o risco do câncer de bexiga, e outros tipos câncer, não descuide de sua saúde marque já sua consulta.

Adicionar comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Entrar em contato